quarta-feira, 12 de julho de 2017

Nunca meu coração desejou tanto a chegada

Nunca desejei tanto este caminho, tão nosso
A cada esquina encontrarei luz que me guia
Aquela, que me faz lembrar coisas de alegria
E me faz  continuar a caminhar como posso
.
E neste meu caminho és a luz do meu viver
Que guia todos os meus passos e me orienta 
Que me faz abrir o coração, que me sustenta
A alma, porque és tu, a razão do meu querer
.
Nunca meu coração desejou tanto a chegada
Dos dias calmos. Das noites serenas de amor
Teu carinho, meu balsamo, estou apaixonada
.
Enquanto as águas serenam o nosso caminho
Sinto o aroma da tua fragrância e o teu fulgor
Que me seduz e me faz lutar pelo teu carinho.
****
Cidália Ferreira 

37 comentários:

  1. Fiquei sem palavras. Que poema lindo, lindo, lindo
    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Um dos POEMAS mais bem elaborados, de uma sensibilidade poética perfeita, doce de ler e de interpretar cada verso, que já li aqui.
    Fiquei fascinado pela elegância de cada verso, pela profundidade de cada quadra, pelo sentimento inserto no soneto. Leitura Obrigatória para quem gosta de poesia

    Deixo numa frase: DIVINO NAS PALAVRAS, FRATERNO DE DOÇURA, ESCRITO PELA ALMA POÉTICA, DE UM CORAÇÃO DE REPLETO DE SENSIBILIDADE.

    ResponderEliminar
  3. mt bonito este poema mas que da para pensar pois a chegada de alguem ela é sempre uma supresa e quando é da pessoa que amamos ainda mt mais pois o coraçao batte com força adoreiiiiiiii bjs

    ResponderEliminar
  4. Oi Cidália,
    Que bom esperar alguém que se ama
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  5. Olá Cidália,
    Poema romântico e muito bonito!
    Essa espera compensa...
    Beijos!

    ResponderEliminar
  6. Que lindo poema, aliás mais um lindo poema! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  7. Cara amiga Cidália, belo soneto! Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma linda tarde.

    ResponderEliminar
  8. Maravilhoso. Terno e arrepiante, pois reflecte uma ansiedade, sonhada e desejada...
    Cada poema que nos oferece, amiga Cidália, mostra-nos o que de belo é seu sentimento e o quanto suave é o coração.
    Parabéns amiga, obrigado por estes momentos....Feliz semana !!!!
    Beijinho...

    ResponderEliminar
  9. Que poema lindo adorei os últimos versos
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Amiga poeta Cidália.

    Que lindooooo esse seu poema!

    Você se superou e estava muito inspirada mesmo!

    Muito amor em seu coração que se transformam nessas maravilhas.

    Beijos sabor carinho e uma noite de paz profunda

    Donetzka

    ResponderEliminar
  11. Os meus aplausos para este teu soneto. É magnífico.
    Cidália, um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  12. Cidália que lindo o poema esperar a chegada da pessoa amada é muito bom é uma sensação ótima, amei cada palavra, Cidália bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  13. Amiga deseja coisas bas nos faz bem, poema encantador,
    obrigado pela visita.
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal: https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  14. Olá, lindo poema, é bom esperar alguém e saber o caminho a percorrer.
    Abracito,
    AG

    ResponderEliminar
  15. Bom dia, Cidália.
    Todo coração que ama precisa da calmaria da chegada, não quer a partida, e vive enternecido de luz branca do amor.
    Lindo.
    Tenha uma semana de paz.
    Beijos na alma.

    ResponderEliminar
  16. Este poema é lindo Cidália.
    Bjs

    Tânia Camargo

    ResponderEliminar
  17. Lindo poema à espera do amado!
    Adorei Cidália.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  18. Belos versos.

    Arthur Claro
    www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderEliminar
  19. Parabéns pelo belo e delicado poema!
    Gostei muito.
    Bjs

    ResponderEliminar
  20. A passar por cá para desejar um ótimo dia!

    ResponderEliminar
  21. Ansiamos sempre chegar ao nosso porto de abrigo, a um lugar calmo e tranquilo! =)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  22. Belíssimo soneto! Que assim continue a ser conforme o anseio do coração.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  23. É ótimo quando se sente que se está no rumo certo! Beijinhos

    ResponderEliminar
  24. Uma espera maravilhosa!

    Magnífico poema.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  25. Que lindo poema, sem palavras mesmo.
    Gosto de ler poemas, onde seja perceptível a sua linguagem, e este é um deles, Parabéns.
    Beijinho muito grande e obrigada pelo miminho da divulgação do meu cantinho.

    ResponderEliminar
  26. Que poema arrebatador e que imagem tão serena!
    ADOREI!!! Muito bem escrito e duma serenidade poética de ímpar!
    A imagem é perfeita e em sintonia com o maravilhoso poema!
    Continua assim....a tua alma tem inspirações magníficas!

    Um abracinho com carinho

    ResponderEliminar
  27. Adorei sua poesia,
    A espera às vezes dói, mas quando acaba vem a felicidade.
    Uma poesia bem construída
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  28. Um poema maravilhoso, Cidália!
    Só digo, que ficarei com umas palavrinhas do mesmo, debaixo de olho... para qualquer dia, as destacar, lá no meu canto!...
    Adorei cada palavra! Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar